terça-feira, 22 de setembro de 2009

António Martins Pires-de-Carvalho Naufrágio

No site Moçambique para todos, e sobre este autor já falecido, encontram-se dados sobre a edição e distribuição do livro Naufrágio, onde se pode ler isto:
"... é uma obra que pode ser considerada como mais uma "pedrada no charco". Nela, através do peso dos trinta e cinco anos que nos separam da Descolonização, transformou a política em História e vem apresentar, não um lavar de roupa suja mostrando as nódoas das barbaridades praticadas mas sim, as causas que permitiram que essas mesmas barbaridades tivessem lugar. E nessa árdua tarefa destapando responsáveis, cobre uns de Glória outros de crepes andrajosos, numa tentativa de trazer a lume os factos para que o Tribunal da História venha, em benefício da verdade e das gerações vindouras, fazer justiça.".
Ao que parece, as feridas da (des)colonização, os antes, durantes e depois continuam em carne viva, longe de naufragar. Apurar a verdade parece ser a dificuldade maior.
Ler já será uma forma de fazer parte dessa justiça, a do autor, aqui representado na figura do seu filho. Acontecimento com data prevista para 5 de Outubro, na Fnac do Porto, Sta Catarina pelas 19h e na Fnac de Gaia (Gaia Shopping) pelas 21,30h. É livro que vou gostar de ler, se tiver euros para o comprar.

Sem comentários: