Mensagens

A mostrar mensagens de Abril, 2012

Achmed, the dead terrorist

Terry Callier e o trabalho

António Lobo Antunes

Imagem
«Nação valente e imortal»



Agora sol na rua a fim de me melhorar a disposição, me reconciliar com a vida. Passa uma senhora de saco de compras: não estamos assim tão mal, ainda compramos coisas, que injusto tanta queixa, tanto lamento. Isto é internacional, meu caro, internacional e nós, estúpidos, culpamos logo os governos. 

Quem nos dá este solzinho, quem é? E de graça. Eles a trabalharem para nós, a trabalharem, a trabalharem e a gente, mal agradecidos, protestamos.

Deixam de ser ministros e a sua vida um horror, suportado em estóico silêncio. Veja-se, por exemplo, o senhor Mexia, o senhor Dias Loureiro, o senhor Jorge Coelho, coitados. Não há um único que não esteja na franja da miséria. 

Um único. Mais aqueles rapazes generosos, que, não sendo ministros, deram o litro pelo País e só por orgulho não estendem a mão à caridade. O senhor Rui Pedro Soares, os senhores Penedos pai e filho, que isto da bondade as vezes é hereditário, dúzias deles. 

Tenham o sentido da realidade, portugueses, …

Pixinguinha

Faria hoje 115 anos.
Gilberto Gil partilhou no facebook este video fabuloso:
-Olhe aqui, Mr Buster!



William Shakespeare

Imagem
"Que época terrível esta onde idiotas dirigem cegos!"

Jack Nicholson

Imagem
O meu actor favorito completa hoje 74 anos.
Nem se nota nada. Só o talento


Francisco Louça somando lições

Imagem
Hoje só se podem fazer previsões, amanhã saberemos os resultados das eleições francesas. Hoje, não me ocupo de previsões, mas de lições. As que aprendi com esta campanha. Lição 1. Sarkozy pode ser derrotado e vai ser derrotado. Isso é bom para a Europa e para a esquerda. É por isso que os eleitores de todas as esquerdas francesas vão votar na segunda volta em Hollande, incluindo também os que sabem que Hollande será um presidente colado ao consenso liberal capitaneado por Merkel. Mas a derrota de Sarkozy acrescenta contradições e abre espaço para a luta social. É uma grande mudança. Lição 2. O eleitorado de esquerda em França é de esquerda. O eleitorado do PSF está à esquerda do PSF. É por isso que Hollande faz uma campanha prometendo o que Seguro nunca diria em Portugal: retirar tropas do Afeganistão, reforçar o imposto sobre as fortunas, renegociar o Tratado europeu. Lição 3. Jospin já prometera renegociar o Tratado de Amesterdão e assinou-o três semanas depois de ter ganho as elei…

De homens arrependidos

Homens de luta

Imagem
Procuram-se.
Para construir Portugal Novo, para recuperar Portugal Antigo.
Precisam ter valores e referências de vida. Família, educação, justiça e algumas noções de cidadania activa.
Não têm que dominar Word nem Excell, não necessitam estar habilitados em condução, nem precisam ser poliglotas, não é necessária experiência em colar cartazes e de preferência não devem usar aventais, a não ser na cozinha das suas casas, precisam de doses extra de sensatez, coragem e algum domínio em fenómenos de grupo. Aceitam-se maiores de 18 e menores de 80.
Podem ter que trabalhar horas extras.
A recompensa é adicionada aos honorários: Recuperar valores perdidos ou substituídos, encontrar medidas e leis ajustadas às suas necessidades, quer na saúde, educação, mercado de trabalho, inflação etc.
Honorário colectivo: O tal do país novo! Urge desencantar a massa combalida pelos péssimos governos consequentes. Alerta vermelho. As entrevistas começam logo que haja um número considerável de bravos da nação…

Herói anónimo II

Imagem
O nosso herói deitado no chão, jaz devido à maldade imposta pelo hedonismo dos homens que caçam, não pelo espírito de sobrevivência mas, para seu belo prazer.
Na foto, pode ver-se o Rei Juan Carlos de Espanha acompanhado de um amigo de crimes idênticos.
Perdoem-me o foco no animal. Ao olhar a fotografia com atenção, não me restaram dúvidas.
O homem-elefante jaz sofredor e os animais sorriem para a câmara.
E se ele me lesse, deveria dizer: porque no te callas tu?
Eu calo-me mas a foto que aqui fica é testemunho de que eu vi e muitos outros poderão ver a podridão humana e a dimensão patológica que alcança o prazer de alguns.

Jean-Luc Mélenchon

Imagem
Jean-Luc Mélenchon nasceu em Tanger, Marrocos a 19 de Agosto, licenciado em filosofia e professor antes de ingressar no universo político, Mélenchon foi ministro de Educação Vocacional de 2000 a 2002, bem como membro do Senado, como representante do departamento de Essone.

O homem da esquerda radical  (esquerda socialista -materialista histórico),  cuja máxima assenta em "Tomemos o Poder", vai colhendo frutos da sua divergência de ideais face ao socialismo moderado de  Hollande mas, sobretudo, a todas as outras correntes de direita (a Marine Le Pen chama-lhe o morcego ou a besta vomitando veneno). Como afirma o Público, de um jeito lírico, Mélenchon "tem conquistado eleitores como se apanhasse flores num jardim".
A 22 de Abril, a França irá votar a primeira volta ás presidenciais e, segundo o jornal Figaro, os seus comícios são semelhantes ás tele-evangélicas dos Estados Unidos da América. Mélenchon, radical na sua campanha eleitoral, incentiva a população a uma …

Herói Anónimo

Imagem
Só pode ser um bravo da nação.