Á semelhança de Heidi

Dois homens, uma verdade Épico inigualável. Ou o ensaio sobre o ódio. Ou sobre a loucura. Ou tratado do primata! You choose. O mundo precisava disto mas entre ter paz podre com risco de gangrena total ou ódio declarado, o segundo resguarda-nos mais sobre o que daqui pode vir. Sem facas de dois gumes! Ia ser lindo isto, a ser verdade...olaré kikukiku olarékikukiku...crrrr...é catarro.

Comentários

liaufg disse…
Aff!!!! kkkkkkkkkk
Só mesmo você, Nina!

Mensagens populares deste blogue

Pedro Barroso-Pão de Pedras